A minha Lista de blogues

quarta-feira, outubro 31, 2012

INFORMAÇÃO

Caros amigos(as),

Tem a presente mensagem para vos comunicar que, a partir de agora, as informações relativas às actividades do "Satasanga"" passarão a estar no blog: satsangainforma.blogspot.com, ligado a este.

Um abraço,



sexta-feira, outubro 26, 2012

AUTONOMIA




      Vive a tua vida fazendo as coisas que queres, desde que decidas em liberdade, com a consciência que essa atitude acarreta.



      Lembra-te que:

 É teu direito fazer o que quiseres, sendo responsável pelos teus actos.

 É teu direito alimentar a autoestima com sinceridade.

 É teu direito, não te submeteres à negatividade dos ambientes.

 É teu direito mudar de opinião, sempre que sentires necessário.

 É teu direito defenderes-te quando a razão te assiste.

      Porque…

     A repressão das emoções pode levar à perda de contacto com a própria realidade. Sempre que se expressam emoções está-se a mostrar o que se pensa e sente. Não o fazendo, deixa-se de passar uma informação útil, dando origem a uma cadeia de enganos que a ninguém beneficia.
     As emoções, tal como os impulsos, são mensagens que têm alguma coisa a afirmar. Se não se expressarem não é possível a implicação dos próprios sentimentos. Qualquer emoção, sentida e aceite, revelará naturalmente, o seu significado ou intenção.
     A partir do momento em que se entende isto, as emoções transformar-se-ão em algo mais, passando a ser um meio indispensável de autoconhecimento, com o qual se vai dando forma à vida.









quarta-feira, outubro 17, 2012

POLARIDADES



ATRACÇÃO ↔ REPULSA

PACIÊNCIA ↔ INTOLERÊNCIA

HUMILDADE ↔ ARROGÂNCIA

VERDADE ↔ MENTIRA

LIBERDADE ↔ MEDO

DESAPEGO ↔ POSSESSIVIDADE

PERDÃO ↔ CONDENAÇÃO

Os sentimentos regem-se pela capacidade de perceber a natureza dos pensamentos predominantes e a relação com os outros é determinada por uma atracção ou por uma repulsa que se manifesta no corpo e se regista na mente como uma ferramenta que nos serve para as lutas do dia-a-dia.
Aqueles que nos estão próximos, podem-no estar na medida em que com eles tivermos laços de sangue, de amizade ou através de um contacto mais subtil que a razão não explica. Neste último caso, essa ligação não passa pelo afecto ou pela necessidade de cooperação e pode ser de longa ou de curta duração, em termos materiais (físico ou emocional), mas perdura no tempo, visto que significa que se faz parte do mesmo grupo de almas.
Aquilo que cada um aspira ou ambiciona é o propósito de um destino que se escolheu ou para o qual se foi escolhido. É absolutamente necessário viver de acordo com as aspirações que se manifestam, seja em pensamento ou acção, com a consciência desperta e atenta.

SER e ESTAR em harmonia…