A minha Lista de blogues

segunda-feira, dezembro 29, 2008

FESTA É FESTA!!!




Não há volta a dar... Começa a aproximar-se o Natal e lá estamos nós a refilar com a perspectiva dos trabalhos que essa festividade anual dá! Falo por mim, claro, pois, todos os anos me preocupo em viver a quadra com um mínimo de tranquilidade e boa disposição, com a certeza de que não escapo à organização dos eventos sociais, familiares e afectivos. Ao mesmo tempo, dá-me gozo começar a projectar aquilo que me obriga a minha condição de mentora do “Satsanga” e “matriarca” de uma família biológica alargada. Embora tenha ajudas pontuais, sou eu que tenho de deitar mãos à obra e inventar Natais que sejam agradáveis e simples. A partir do momento em que as ideias me ocorrem e as aceito, o resto flui naturalmente.
Felizmente, tudo funcionou de acordo com as perspectivas e a contento de adultos e crianças de várias idades. Houve tempos em que esta época era marcada por algumas depressões, reflexo de memórias e saudades. Agora que a crise nos está a bater à porta, a simplicidade dos actos é aceite sem reservas. Antigamente, olhava-se mais à medida das ofertas... Já se sabe que ainda podemos dizer que, pelas ofertas e manifestações de outra ordem (mensagens, e-mails, cartões cada vez mais raros), entendemos quanto valemos nas relações, tendo em conta a intenção. Pessoalmente, gosto de trocar afectos com quem sinto afinidade e necessidade de equilibrar o dar e receber. Nesse aspecto, posso dar-me por feliz visto que o saldo é positivo, apesar de algumas desilusões temperarem a contabilidade. Vamos desligando-nos de uns e de outros, à medida que os nossos Karmas se saldam ou se completam. Fechamos ciclos, preparados para abrir outros, numa atitude de desapego e total liberdade. A Vida é mesmo assim.
Preparamo-nos para receber o novo ano, aproveitando como habitualmente, para fazer bons votos e desejar que esta etapa siga com um mínimo de sobressaltos e que todos possamos vivê-la em Paz, com a consciência do papel que nos cabe, para conseguirmos contribuir com a nossa quota parte de solidariedade e a ecologia própria daqueles que se aplicam a explorar novas e boas ideias para a sobrevivência deste planeta. Todos ficamos a ganhar...
Fiquem bem!

BOM ANO!!!

Sem comentários: