A minha Lista de blogues

sexta-feira, outubro 23, 2009

HARMONIA





À medida que nos vamos harmonizando e estando mais felizes com aquilo que somos, passamos a sentirmo-nos também melhor com os outros, aceitando-os, apreciando as suas qualidades e, naturalmente, amando-os incondicionalmente. Quando estamos satisfeitos e alegres, podemos partilhar essa energia com os demais. Se o nosso estado for de inquietação permanente vamos atrair exactamente essa energia que se instala sem cerimónia, quebrando as nossas defesas completamente. Os nossos constrangimentos são profundos e estão no ponto exacto em que cada um se articula com a vida que tem, ao que poderemos chamar o ponto de tensão permanente.
Antes de pensarmos em transformar o mundo, devíamos tentar compreendê-lo para, por fim, nos integrarmos na energia que o rege. É muito difícil abarcar um universo onde as nossas rotinas andam misturadas com os nossos sonhos e com um mundo idealizado onde reina a paz e a alegria. Precisamos ter uma boa estrutura básica para conseguir sair do sistema em que estamos inseridos e passar a viver nas suas margens e correr todos os riscos que isso implica, aceitando os desafios que se deparam, tanto quanto às dúvidas e retrocessos próprios do processo que não é, realmente, linear mas que vale o esforço e as lágrimas que vão lavando a alma, elevando-a ao estado de pureza possível nesta encarnação.
Bom fim-de-semana.
Fiquem bem!

3 comentários:

Margarida Marmelo disse...

Concordo plenamente, Mestra!!
Abraço.
Radha.

Essencialma disse...

Tem um selinho lá na "Era".

Bjinhos

Maria Emília disse...

Muito obrigada!
Um abraço e bom fim-de-semana.
OM SHANTI
ME